Palatinose: O carboidrato de baixo índice glicêmico que traz inúmeros benefícios

Os carboidratos simples já deixaram a dieta de muitas pessoas, especialmente aquelas que estão cuidando da saúde e praticam exercícios físicos. Muitos estão em busca de novas fontes de energia mais saudáveis para a prática de atividades físicas, principalmente quando o assunto é musculação. Um tipo de açúcar muito interessante é a palatinose.

O que é a palatinose?
Também conhecido como isomaltulose, a palatinose é um açúcar branco e puro derivado diretamente de uma fonte natural da sacarose. Esse tipo de açúcar pode ser encontrado em diversos alimentos como mel e cana-de-açúcar. Ele traz dois bons benefícios para a saúde: o primeiro é que a palatinose é facilmente digerida e o segundo é o fato dele ser liberado de forma gradativa, ou seja, não forma picos de insulina e fornece energia de qualidade por um maior intervalo de tempo.

Para que serve a palatinose?
Ao contrário da maltodextrina que, apesar de ser um carboidrato complexo, possui elevado índice glicêmico, a palatinose não permite a promoção de altas taxas de açúcar na corrente sanguínea. Ele também possui baixo índice insulinêmico, ou seja, não permite que se forme uma elevada concentração de insulina no organismo. Outro ponto positivo é que ela consegue queimar mais gordura durante a atividade física do que qualquer outro carboidrato. Você consegue ter vários produtos em apenas um e com excelente qualidade.

Composição e tipo de carboidratos
A palatinose é um isômero da sacarose, muito encontrada em frutas e em raízes, principalmente na beterraba. Ocorre um rearranjo enzimático das ligações 1,2-alfa com a 1,6-alfa que combina a molécula de glicose com a de frutose. Hoje, a palatinose é fabricada em larga a partir da beterraba e isso só é possível graças a uma enzima natural que consegue modificar a estrutura molecular da sacarose. 
Na natureza, o micro-organismo responsável por produzir essa tal enzima é o Protaminobacter rubrum que consegue produzir a sua própria fonte de energia. Essa bactéria consegue reorganizar as moléculas de frutose, sacarose e glicose de tal forma que sintetiza um novo carboidrato de maior estabilidade ao qual damos o nome de palatinose.

Benefícios da Palatinose
Considerado um alimento funcional e com um bom valor nutricional. Veja abaixo bons motivos para consumir a palatinose.
• Baixo IG: com um índice glicêmico de 32, a palatinose garante energia por mais tempo, de forma gradual, sem desenvolver uma elevada concentração de açúcar no sangue. Isso ajuda você a praticar seus exercícios por mais tempo e também evita que você coma com maior frequência, principalmente alimentos com açúcar. 
Uma pesquisa realizada por Berg e outros autores utilizaram 20 homens obesos com síndrome metabólica e resistência à insulina entre 32 e 64 anos. Foi dado palatinose na alimentação do café da manhã numa porção de 50 g e no almoço, apenas 10 g. A conclusão a que chegaram foi que os níveis de insulina e a oxidação de gordura foi maior após o café da manhã em comparação ao almoço.
• Maior absorção: um estudo realizado com seres humanos e divulgado no Jornal Britânico de Nutrição mostrou que a digestibilidade de 50 g de palatinose ficou entre 95,5 a 98,8% e a absorção aparente teve o intervalo de 93,6 a 96,1 % independentemente da natureza dos alimentos. Ou seja, qualquer alimento que contenha esse açúcar, seja bebida ou comida, terá uma grande taxa de absorção pelo organismo. 
• Energia por mais tempo: explicando melhor esse benefício da palatinose, a grande sacada aqui é que esse açúcar é absorvido cerca de 4 a 5 vezes mais lentamente do que a sacarose. Isso acontece porque a ligação entre as moléculas de glicose e frutose é muito forte e leva um certo tempo para ser quebrada.
• Oxidação da gordura: a palatinose consegue fazer algo que nenhum outro carboidrato faz mesmo com a mesma quantidade de calorias que é de 4 kcal/g. Ela aumenta a utilização, pelo nosso organismo, de gordura como fonte de energia fazendo o metabolismo do tecido adiposo aumentar. 
A palatinose consegue liberar taxas de glicose num nível exato. Isso reflete diretamente no fato do corpo tentar preservar o glicogênio e utilizar a gordura para fazer o trabalho pesado. Dessa forma, o glicogênio muscular só será recrutado quando for realmente necessário, ou seja, no momento de exercícios intensos. Isso garante maior resistência e melhor desempenho nos treinos.
• Protege os dentes: como a ligação entre as moléculas de glicose e frutose é muito resistente, até mesmo os micro-organismos presentes na cavidade oral têm dificuldade de fermentar essa substância para utilização. A palatinose é considerada um alimento não cariogênico, ou seja, não provoca cárie.

Como tomar a palatinose
Você pode substituir o açúcar comum pela palatinose na maioria dos alimentos e bebidas e ela é perfeita para a produção de bebidas instantâneas. Desta forma, você pode procurar bebidas esportivas que já vêm prontas para beber que sejam a base de palatinose.
Para aumentar o tempo de energia para determinado exercício, você deve ingerir cerca de 15 g por porção, ou seja, se vai tomar alguma bebida como um suco, por exemplo, deve ingerir de uma só vez as 15 g nele. Já para acelerar a oxidação da gordura, a quantidade recomendada é de 18 g por porção. Não há um horário ideal para ingerir esse açúcar, podendo ser consumido no café da manhã e no almoço sem restrições. 

Referência
Holub, I. et al. Novel findings on the metabolic effects of the low glycaemic carbohydrate isomaltulose (Palatinose). British Journal of Nutrition, p.1-8, 2010.
Konig, D.; Theis, S.; Kosianowski,G.; Berg, A. Postprandial substrate use in overweight subjects with the metabolic syndrome after isomaltulose (Palatinose) ingestion. Nutrition XXX Journal, p.1-6, 2012. 

Veja Também

Nuggets Caseiros saudáveis

Para as mamães que precisam de praticidade no dia a dia, essa é uma ótima opção para variar o cardápio das crianças. Além de prática, essa receita é saudável e funcional. Anote os ingredientes e Bom apetite!

Tri-up: O creme cirúrgico, reduz a flacidez da face, pálpebra e pescoço

Você já experimentou este creme consagrado! Chama-se Tri-up, um creme cirúrgico que é capaz de tratar a flacidez do rosto, trata a pálpebra caída e a flacidez do pescoço. O ideal é começar a usar a partir dos 30 anos, assim faz manutenção da pele. Nos estudos divulgados pelo fabricante, nas mulheres com 50 ou 60 anos ele faz uma grande diferença. O segredo está na composição do creme que reúne 3 componentes...

Novembro Azul conscientiza sobre câncer de próstata

Sete novos casos da doença surgem a cada hora. O diagnóstico precoce é essencial para cura. Homens devem procurar o urologista a partir dos 50 anos